Unidade:

Semana Acadêmica de Agronomia recebe palestras de profissionais referências na região

Data de Publicação: 10/10/2017.

      A sociedade e o mercado de trabalho exigem profissionais competentes e dotados de conhecimentos além do compartilhado em sala de aula. Pautado pela comunidade e com uma grade curricular atualizada em relação às necessidades do mercado, o CESURG oportuniza diversas discussões de temáticas diversas para ampliar os debates em torno de cada profissão. Entre os dias 3 e 6 de outubro, ocorreu a II Semana Acadêmica do curso de Agronomia do CESURG Sarandi, norteada pelo tema central "Agricultura e Desenvolvimento Sustentável".

      Nas quatro noites de atividades, a programação oportunizou aos acadêmicos conhecimentos com profissionais de atuações reconhecidas no mercado. A primeira noite da Semana Acadêmica foi marcada pela abertura oficial, com a presença do diretor-presidente do CESURG, Rafael Rossetto, do diretor de ensino, Aluísio Oliveira, do coordenador de Agronomia, Rafael Pasini, palestrantes, professores e acadêmicos. Na oportunidade, Rossetto salientou a importância do debate em torno de novas alternativas, "é muito importante propormos novas alternativas produtivas que visem o desenvolvimento aliado à preservação do meio ambiente, algo extremamente importante na atuação de todos os profissionais".

      A primeira palestra da noite foi ministrada pelo professor e diretor da EEPROCAR, Celito Luiz Lorenzi, com o tema "Diversificação produtiva: a fruticultura como alternativa para o desenvolvimento do agronegócio". Em seguida, o zootecnista e professor do CESURG, Paulo Roberto Machado, abordou os "Sistemas de produção animal para agricultura familiar do norte do Rio Grande do Sul".

      Na quarta-feira (04), a mestre em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Rosiéle Cristiane Ludtke conduziu a palestra "Os desafios da agroecologia na construção de alternativas ao modelo do agronegócio". Encerrando a programação da noite, o agrônomo Kauê Piccoli Ferreira discutiu com o público sobre a "Microbiologia do solo: produtividade e sustentabilidade dos solos agrícolas". A quinta-feira (05) foi marcada pelas explanações do fisiologia Elmar Floos, que abordou "Ecofisiologia e manejo de plantas para altos rendimentos".

      Para encerrar o evento, na noite de sexta-feira (06) a agrônoma Márcia Aparecida Smaniotto dialogou sobre o "Controle biológico de pragas na agricultura", e na sequência o agrônomo Rafael Schmidt Magni debateu as "Tecnologias para assegurar a obtenção de sementes de qualidade".

      A programação, na avaliação do coordenador Rafael Pasini, oportunizou aos acadêmicos a discussão em torno de temáticas que complementam a formação dos estudantes. "Conseguimos compartilhar com os acadêmicos novos conhecimentos relacionados a fruticultura, produção animal, agroecologia, microbiologia do solo, fisiologia de plantas, controle biológico de insetos e produção de sementes, todos assuntos focados na realidade local e na potencialidade que a nossa região tem de produzir alimentos", ressalta o docente, complementando que a Semana Acadêmica se configura como um espaço onde "ocorre o fortalecimento do conhecimento obtido em sala de aula, estimulando estudantes, professores e a sociedade na busca de uma formação mais qualificada e atualizada".

Galeria de Imagens: